"Gravity Falls" – Um Novo Desenho Disney Carregado de Simbolismo


Os vários artigos desse site tentam provar que os mesmos símbolos – os da elite dominante – estão sendo permeados através da cultura popular. Embora, muitas vezes, nós focamos em materiais destinados a adolescentes ou jovens adultos (como filmes e vídeos musicais), as crianças, definitivamente, não estão isentas disso. Um exemplo flagrante é o novo cartoon da Disney “Gravity Falls”, um cartoon “peculiar e cativante” sobre dois irmãos gêmeos de 12 anos que passam o verão com seu tio-avô Stan em Gravity Falls, no estado americano de Oregon.

Os 40 segundos da longa introdução está carregada de simbolismo. Assista aqui.


Primeiro, o Tio Stan usa um barrete, que é o chapéu usado pelos “Shriners” – um órgão assessor da Maçonaria. Como eles costmam dizer, todos os “Shriners” são maçons, mas nem todos os maçons são “Shriners”.

Stan usando um barrete. Além disso, ele está
 escondendo um olho para deixar mais óbvio.

Um antigo Shriner.

Até 2010, apenas maçons de 32º do Rito Escocês (o mais alto grau possível que não seja o honorário 33º) ou Cavaleiros Templários do Rito de York poderiam juntar-se aosShriners. Isto significa que Grunkle Fez é provavelmente um maçom de alto nível. Portanto, ele sabe o que está por trás de todos os símbolos.

O desenho está cheio de olhos por toda parte. Há até 
um pote de globos oculares à venda na loja de Stan.

“Olho que tudo vê” dentro do triângulo e mais isto…

Este frame pisca, literalmente, em uma fração de segundo no final da intro.
 Podemos facilmente reconhecer a pirâmide dos Illuminati brilhando e o
 “Olho que tudo vê”, juntamente com outros símbolos alquímicos e mágicos. 
Além disso, há o código Contra do NES, o que é bastante hilário.

Eu não vou começar a analisar todos os episódios, mas aqui estão algumas imagens interessantes do primeiro episódio de “Gravity Falls”.

Além dos olhos em todos os lugares, os seres humanos pequenos em uma jarra 
são homúnculos – um conceito que se encontra nos ritos de alquimia e ocultismo.

Gravura do século 19 de Fausto de Goethe e o Homúnculo.

“Olho que tudo vê” no ápice da montanha.

“Olhos flutuantes, eles estão me olhando?”.

O sótão da cabana do Grande Tio Stan tem uma janela de vidro manchada
 proeminente maçônica com um símbolo que é onipresente nesse cartoon.

Stan parece ter dois relógios-corujas – a coruja é um símbolo antigo que representa 
a elite oculta (aqueles que trabalham em trevas), os Illuminati e o Bohemian Grove.

Confira o tapete no chão.

A letra “A” da palavra “Shack” acima consiste em um compasso e o “Olho que
 tudo vê”, uma combinação de símbolos encontrados no simbolismo maçônico.

A entrada de uma loja maçônica.

Em suma, o novo cartoon da Disney é centrado em torno de um conjunto específico de símbolos associados com sociedades secretas e à elite oculta, os quais chamamos de Illuminati. Enquanto alguns podem argumentar que esses sinais são inseridos para adicionar “mistério” para o desenho, também devemos considerar o fato de que a cultura popular em geral está sendo permeada com, exatamente, o mesmo conjunto de símbolos. Esse desenho faz a sua parte ao expor as crianças ao simbolismo, que o normaliza e, finalmente, realiza o que a elite oculta vem fazendo há séculos: escondendo na vista lisa.

Esse post foi publicado em Ocultismo Illuminatis, Simbologia Ocultista. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s